Quer saber mais?

4 Tendências de consumo na Black Friday 2020 durante a pandemia

Compartilhe.

A Black Friday é um dos momentos mais esperados do ano, tanto pelos consumidores, quanto pelas empresas. Com descontos imperdíveis e a preparação para o Natal, a Black se tornou um grande evento no calendário brasileiro, tendo como data oficial, em 2020, o dia 27 de novembro. 

Em 2019, a Black trouxe resultados muito positivos, tanto para as lojas físicas, quanto para o comércio eletrônico. As vendas on-line cresceram 23% em relação ao mesmo período em 2018, gerando uma receita de 2,6 bilhões. Outro insight interessante de 2019 foi a busca pela Black prorrogada, também conhecida como Cyber Monday.

Com a pandemia da Covid-19 e a recomendação do isolamento social, diversas mudanças foram instauradas, resultando em novas tendências de consumo e um novo olhar do cliente sobre a compra. A Black Friday 2020 será diferente, mas não menos lucrativa afinal, depois de um ano diferente, quem é que não vai querer presentear aquele familiar ou amigo que ficou distante durante toda a quarentena?

Para garantir o sucesso comercial da Black Friday da sua empresa, separamos 4 tendências de consumo para o período de pandemia. Vem ver!

  1. Compras virtuais

Diferente de anos anteriores, onde as pessoas enfrentaram filas e aglomerações em lojas físicas, a tendência deste ano é de uma Black Friday voltada para o digital. Há ainda pessoas que não estão habituadas com a compra on-line, porém, pesquisadores da área estimam que cerca de 40% dos consumidores farão suas compras 100% on-line no período da Black Friday, pensando em reduzir os riscos de exposição à Covid-19.  

Outra movimentação interessante para prestar atenção é a compra via mobile. Em 2019, 55% das transações on-line foram feitas com o celular. Mesmo com o aumento do uso de desktops e notebooks por conta do home office, espera-se um aumento das vendas via dispositivos móveis, logo, é essencial adaptar o seu site para os diferentes formatos. 

Grandes marcas foram mais longe e criaram os seus próprios aplicativos, dessa forma ficam mais próximas de seus clientes e também trazem mais conteúdo e promoções para os seus usuários. Que tal entrar nessa?

Leia também: Como digitalizar o seu negócio em 6 passos

  1. Consumo consciente

Com a incerteza da retomada total da economia pós período de quarentena, os clientes estão pensando mais na hora de efetuar uma compra. O consumo consciente instaurado na pandemia está atrelado ao planejamento financeiro e a necessidade de obter determinado produto. Antes de procurar algo, os consumidores estão fazendo alguns questionamentos como: ”eu preciso disso?” ou “isso está no meu orçamento?”.

Outro ponto de atenção é a exigência dos usuários. Com a maturidade adquirida ao longo das Blacks anteriores, a preferência deste ano é comprar um bem que seja de qualidade, com entrega eficiente e boas opções de pagamento. No marketplace da Klabin ForYou, por exemplo, é possível comprar Embalagens e Produtos feitos de papel com alta qualidade, segurança e que são 100% recicláveis.

Portanto, pensar na jornada do consumidor, desde a pesquisa do produto até o momento de finalizar a compra, é essencial para o sucesso da operação e garante a indicação da sua loja ou marca para um amigo, ou familiar. Muito além dos preços baixos, o usuário busca uma boa experiência.

  1. Descontos

Como de costume, o preço baixo é um dos maiores atrativos da Black Friday. A busca por termos como “promoção”, “cashback” e “descontos” aumentou, mostrando consumidores mais antenados com relação a preços. É de praxe que o foco da Black seja de antecipação de presentes de natal e a compra de produtos com valores baixos, entretanto, uma tendência para 2020 é adquirir itens que já estão na wishlist dos consumidores há tempos em que os mesmos estavam aguardando a baixa do preço para realizar a compra. Dentro dos descontos e preços baixos, a busca por “frete grátis” e “frete express” também teve aumento significativo, indicando a preferência por entregas eficientes e de baixo ou nenhum custo.

  1. Tendências de busca

Profissionais do setor apostam que a Black Friday 2020 será marcada pelo auto-presente. Neste sentido, a venda e a procura por produtos de cabelo,  maquiagem e roupas terão grande sucesso. Com mais tempo para pequenas reformas, outro setor que desponta é o de móveis e objetos decorativos. Os novos hobbies adquiridos na pandemia também devem gerar mais buscas, itens para cozinha, livros, produtos fitness, etc. Destaca-se também o segmento pet, uma vez que mais pessoas passaram a conviver com bichinhos no período de isolamento.

E aí, o que achou das nossas dicas? 

A Klabin ForYou é um marketplace com propostas inovadoras de embalagens e produtos de Papel, que esse ano transformou a Black Friday em Green Week. Nessa ação, que ocorrerá de 23 a 29/11/2020, é possível adquirir produtos com até 40% de desconto! Além disso, iremos reverter parte das vendas para a instituição Terra Viva, que promove ações de cidadania e solidariedade. Acesse nosso site e saiba mais!